Roteiro Trekking Lençóis Maranhenses - Promocional

Roteiro Trekking nos Lençóis Maranhenses  

Descritivo do Roteiro
1º Dia – São Luís / Barreirinhas / Atins (C) – Saída pela manhã bem cedo, entre 06h50 e 07h30 com destino a Barreirinhas (260 km asfaltado – duração média da viagem é de 04hs), parada no trajeto para um café da manhã regional ou lanche (não incluso) na cidade de Morros. Recepção em Barreirinhas com instruções para o roteiro na sede da Caetés Expedições. Em seguida almoço (não incluso) em self servisse local, após descanso, embarque em lancha voadeira com destino a Atins, descida pelo Rio Preguiças (01h de viagem). Durante o percurso faremos paradas em Vassouras, Caburé (Pequenos Lençóis Maranhenses) e Mandacaru. Desembarque no porto do Atins e traslado para Pousada. Restante do dia livre.Pernoite em Atins com café da manhã. OBS I: O horário de traslado São Luís/Barreirinhas é informado um dia antes do embarque devido ao fechamento da rota, saímos sempre por volta de 06h50 à 07h30. OBS II:Favor informar o local onde estará hospedado(a). OBS III: Indicamos levar pouca bagagem, pois o percurso será feito todo a pé, as bagagens maiores seguirão no micro-ônibus/Van e ficarão guardadas na Caetés Expedições, onde serão entregues na chegada à Santo Amaro. Sugerimos levar uma mochila pequena de no máximo 30l apenas com 05 mudas de roupa, higiene pessoal, toalha, máquina fotográfica, boné, óculos escuros, protetor solar, repelente, lanterna, medicamentos pessoais e água. – Quaisquer bagagens extras não são de responsabilidade de transporte do guia, o mesmo não tem obrigação de levar mochilas dos clientes. – Temos mulas dos nativos do Parque que cobram a diária no valor de R$ 300,00, cada mula leva o peso máximo de 60kg. 2º Dia – Atins / Rio Negro / Baixa Grande (C, LB) –Após o café da manhã saída às 06hs (ou conforme a tábua de maré) para o início da aventura. Embarque em veículo 4×4 até a foz do Rio Negro (20km em carro 4×4 pelo litoral). Ao chegarmos na Foz do Rio começaremos a primeira caminhada, cerca de 6km pelas dunas (aprox. 04hs) até chegar à Baixa Grande – um dos Oásis do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Durante todo o percurso contemplaremos as melhores lagoas do Parque, nas paradas o importante é se refrescar e usar o protetor solar, no início do diaserá distribuído um Lanche Box com frutas, barra de cereal e sucos em caixa para recompor as energias. Em Baixa Grande após acomodação, almoço e jantar regional à base de galinha caipira ou bode (não incluso) preparados pelosmoradores do Oasis. No final do dia poderemos assistir ao pôr-do-sol em uma Duna bem próxima ao Redário. Noite livre para vivência com os moradores locais. Pernoite em Redário em Baixa Grande. OBS I: No redário é disponibilizado uma rede e lençol para cada cliente. A pernoite é realizada em um barracão de palha que acolhe não só nossos grupos, como demais agências locais; OBS II: O oásis conta com banheiro único para todos os clientes com chuveiro (sem água quente); 3º Dia – Baixa Grande / Queimada dos Britos (C, LB) –Após o café da manhã saída às 06hs (ou a combinar com o guia), continuaremos nossa aventura. Neste dia faremos uma caminhada de 09km (aprox. 05hs). Durante todo o percurso contemplaremos as melhores lagoas do Parque, nas paradas o importante é se refrescar e usar o protetor solar, no início do dia será distribuído um Lanche Box com frutas, barra de cereal e sucos em caixa para recompor as energias.Em Queimada dos Britos nos acomodamos e aproveitamos para conhecer o povoado e seus personagens, este outro Oásis no “meio” do Parque Nacional já foi palco de filmagens como Casa de Areia e muitas reportagens Nacionais e Internacionais. Almoço e jantar regional à base de galinha caipira (não incluso) preparados pelos proprietários da hospedagem. Noite livre para vivência com os moradores locais. Pernoite em Redário em Queimada dos Britos. OBS I: No redário é disponibilizado uma rede e lençol para cada cliente. A pernoite é realizada em um barracão de palha que acolhe não só nossos grupos, como demais agências locais; OBS II: O oásis conta com banheiro único para todos os clientes com chuveiro (sem água quente);   4º Dia – Queimada dos Britos / Betânia / Santo Amaro (C, LB) Após o café da manhã saída às 04hs (ou a combinar com o guia), deixaremos a Queimada dos Britos para seguir caminhada até a Betânia (12km – aprox. 7hs) com chegada prevista às 11hs. Nas paradas o importante é se refrescar, no início do dia será distribuído um Lanche Box com frutas, barra de cereal e sucos em caixa para recompor as energias.Este trecho é o mais conhecido pelas maiores lagoas do Parque. Chegada em Betânia e parada para descanso (30 minutos). Depois, traslado até Santo Amaro, o ponto final da caminhada. Às 15h30 seguiremos para visita à Lagoa da Gaivota para banho e pôr do sol. Retorno à Santo Amaro por volta das 18hs. Noite livre para conhecer a pacata cidade. Pernoite em Santo Amaro com café da manhã.   5º Dia – Santo Amaro / São Luis (C) –Manhã de descanso em Santo Amaro para conhecer a cidade e o cotidiano dos moradores,às 15hs saída em veículo 4×4 com destino ao Povoado Sangue (36 km, 01h30, estrada de piçarra e asfalto). Troca de veículo e embarque entre 17h30e 18hs em Van ou Micro-ônibus com destino a São Luís (200 km, 03h, asfalto). Chegada por volta das 21hs em São Luís. OBS:Favor informar o local onde estará hospedado(a).   Segurança: O trajeto foi todo calculado com os possíveis imprevistos, temos um monitoramento na base de Barreirinhas via telefones de apoio nos Povoados visitados durante o trekking. Trabalhamos com a minimização dos impactos, respeitando a cultura local. Este roteiro exige esforço físico, não aconselhamos para passageiros sedentários, que tenham problemas cardíacos, hipertensos ou alérgicos a picadas de insetos.
Tarifas
Valores por pessoa – Mínimo 04 pessoas / Máximo 12 pessoas
Opções de acomodação Single Duplo Triplo
Atins –Pousada Jurará ou Vila Jurará Parque Nacional –Redário Santo Amaro –Pousada Água Doce R$ 1.868,00 R$ 1.708,00 R$ 1.598,00

OBS:Para emissão de NF é acrescido ao valor total do pacote 5% referente a ISS.   NOTA I: A programação acima pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a Caetés Expedições julgue poder interferir na segurança ou bem-estar dos clientes. NOTA II: Valores por pessoa válidos para o período mencionado no roteiro, que foram determinadas de acordo com a época de cheias das Lagoas durante o trekking. NOTA III: Tarifas não válidas para Feriados (Favor consultar valores). NOTA IV: Horários de passeios e traslados são brevemente informados em seus vouchers de reserva.   OBS:O roteiro só é liberado após a assinatura do cliente no termo de compromisso que será enviado após confirmação do roteiro.

O programa inclui:
O programa inclui: – Traslado São Luís / Barreirinhas; – Lancha Barreirinhas/Atins (Vassouras, Caburé e Mandacaru); – Traslado Atins / Foz do Rio Negro em 4×4; – Visita à Lagoa da Gaivota em Santo Amaro; – Traslado Betânia / Santo Amaro / Povoado Sangue; – Traslado Sangue / São Luís; – LancheBox: Barra de cereais, frutas esucos em caixa; – Condutor especializado durante toda a caminhada; – Pernoites em Atins e Santo Amaro com café da manhã; – Todos os serviços em caráter REGULAR/COMPARTILHADO; – Pernoites em redes durante o Trekking com café da manhã regional (Baixa Grande e Queimada dos Britos);   Não inclui: – Aéreo e taxas de embarque; – Bebidas;                             – Refeições não citadas no roteiro; – Despesas de ordem pessoal.
Política de Alterações e Cancelamentos:
período. Alterações: Os pedidos de alteração poderão ser atendidos mediante a disponibilidade do período. Cancelamentos: Entende-se por cancelamento a desistência da viagem e/ou do serviço contratado. Solicitações de cancelamento de reserva ou serviços contratados deverão ser feitas por e-mail e quando recebidos após a confirmação do cancelamento.

  • Até 15 dias antes do início dos serviços: Nenhuma despesa com CANCELAMENTO.
  • Após o prazo de 15 dias antes do início dos serviços: Será cobrado NO SHOW na ordem de 50% do valor do serviço reservado.

Guias

  • Guias locais, conhecedores da região.

ATINS – MA: Pousada Jurará ou Vila Jurará – www.pousadajurara.com.br   Hospedagem (PNLM – Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses): Baixa Grande – Redário da Sra. Dethou Sra. Loza; Queimada dos Britos – Redário da Sra. Joana, Sr. Mansur ou Sr. Biziquinho.   Hospedagem (Santo Amaro): Pousada Água Doce – www.pousadaaguadoce.com.br

Formas de pagamento
Depósito ou transferência: Pagamento parcial antecipado de 30% via depósito bancário para confirmação do Pacote (conforme data pré-estabelecida). Pagamento do restante em cartão de crédito em até 03x (Visa ou Mastercard).   Banco do Brasil – R. Caldas Quintino ME

  1. 1027-8

C.C.: 20905-8 

CNPJ: 12.377.948/0001-40

 

O que levar
– Durante toda a viagem você vai utilizar shorts diariamente e dificilmente calças jeans e longas; – Filtro solar,repelente, óculos escuros, máquina fotográfica e bastante água são indispensáveis durante a viagem! – Se você utiliza lentes de contato, sugerimos que leve os seus óculos para fazer os passeios nas dunas (o vento forte pode causar desconforto).
Atrativos:
Barreirinhas: É a cidade portal de entrada dos Lençóis Maranhenses, transformado em Parque Nacional em 1981. Está localizada a 260Km da Capital São Luís e possui atrativos como Passeios de Lancha pelo Rio Preguiças, Passeio de 4×4 aos Grandes Lençóis e muito mais.   Parque Nacional: Foi criado em 02 de junho de 1981 numa área de 155 mil hectares nas margens do Rio Preguiças, no nordeste do estado do Maranhão e distante cerca de 260 km de São Luís. Ocupa uma área total de 270 quilômetros quadrados, com dunas de até 40 metros e lagoas de água doce. Trata-se de um ecossistema costeiro único dentro do bioma caatinga, que associa ventos fortes e chuvas regulares. Consiste em uma faixa de dunas que avança entre 05 e 25km em direção ao interior. Estas dunas formam pequenas lagoas de água doce. Abrange os municípios de Barreirinhas, Humberto de Campos, Primeira Cruz, Santo Amaro do Maranhão e Paulino Neves.   Rio Preguiças: Nasce no povoado Barra da Campineira, em Anapurus e percorre mais de 120 km até desaguar no Oceano Atlântico em frente ao povoado de Atins. É a principal via fluvial do município de Barreirinhas e um dos principais pontos turísticos da localidade. Meio de vida e subsistência da maioria da população, sendo via de acesso para muitos povoados e comunidades ribeirinhas. Seu nome descende dos antigos Bichos Preguiças que viviam as suas margens.   Vassouras: Fica localizada nos Pequenos Lençóis, primeira parada no Passeio do Rio Preguiças antes de Caburé. Lá vivem algumas famílias que dependem da pesca e do turismo para seu sustento.   Mandacaru: É uma vila de pescadores localizada entre a praia de Caburé e a praia de Atins. É o mais antigo Povoado Ribeirinho. Antes era centro comercial e portuário para transportes por mar até São Luís. As famílias que lá residem hoje utilizam a pesca e a agricultura como forma de sustento.   Farol do Preguiças: O Farol do Preguiças, conhecido também como Farol de Mandacaru, localiza-se no Povoado de Mandacaru. Farol marítimo de 54 metros de altura, 19 milhas de alcance e 160 degraus, foi construído em 1940 e inaugurado em 1944 pelo então Almirante Morais Rego. Desde suas proximidades se obtém vistas fantásticas do Parque Nacional.   Caburé: Fica localizada próxima à foz do Rio Preguiças, na estreita faixa de areia que separa o rio do mar. A região onde se encontra a praia do Caburé denominada de Pequenos Lençóis, é composta pelas localidades de Moitas, Morro do Boi, Espadarte, Alazão, Vassouras e Caburé.   Atins: Ultimo povoado dos Lençóis Maranhenses, fica localizado em frente à Foz do Rio Preguiças com uma bela praia propícia para esportes como kite surf, além da tranquilidade do local e de seu povo acolhedor.   Rio Negro: É um afluente do Rio Parnaíba que nasce na Lagoa de Boa esperança e desemboca no Oceano Atlântico, depois de cruzar todo o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.   Oásis de Baixa Grande: Oásis localizado Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses onde há a hospedaria da Sra. Dete e família, lugar muito aconchegante e rústico. Merece especial destaque seu grande número de árvores tropicais repletas de frutas (Cajú, Mirim e Guajirú), além das lagoas e rios próximos.   Oásis de Queimada dos Britos: O oásis de Queimada dos Britos localiza-se no Parque dos Lençóis Maranhenses, repleto de arbustos e árvores de frutas tropicais. No povoado convivem aproximadamente 12 famílias dos ‘Britos’ onde na casa da Sra. Joana existe uma hospedaria que foi utilizada no filme Casa de Areia.   Betânia: Comunidade ribeirinha na qual vivem apenas 25 famílias, Betânia tem ruas de areia e muitos cajueiros. Na época de chuvas, o Rio Alegre cruza a cidade e permite belos passeios de barcos e jangadas.   Lagoa da Gaivota: Localizada à 7km da cidade de Santo Amaro, é uma das maiores Lagoas do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, com águas cristalinas.   Lago de Santo Amaro: Na época da cheia se apropria de grande parte da cidade de Santo Amaro. Na seca é visivelmente reduzido, mas ainda com alguns pontos com água.   Santo Amaro: Povoado descendente de Jesuítas, um padre chamado Amaro deu nome ao lugar. O povoamento se deu com o intercâmbio de culturas entre índios e mercadores oriundos de diversas partes do mundo e de negros trazidos como escravos. É um local ainda de pouca visitação se comparado a outros pontos turísticos da região dos Lençóis e, por isso, apresenta infra-estrutura rústica e simples.   Sangue: Povoado localizado à beira da MA-402 que liga Barreirinhas a São Luís. É utilizado como ponto de apoio para embarque e desembarque com destino a Santo Amaro, Barreirinhas ou São Luís.  
Orçamento:

Solicite um orçamento 





Planeja uma viajem: 
Periodo:
De   Até 


Como nos encontrou? 
Deseja informações sobre: